Conselhos para os Adolescentes

Trechos de áudio transcrito de uma conversa de Dzongsar Khyentse Rinpoche com os adolescentes publicado no site Chronicles of Chogyam Trungpa Rinpoche.

(click here and read the original post in english and the complete audio here)

Acesse nossas páginas no facebook: budismo engajado e budismo petropolis.
E no Instagram: budismo petropolis

Então, hoje eu tenho algo a dizer-lhes que é especialmente para os adolescentes. Há algo tão incrível sobre ser jovem. Eu cometi um erro ao tentar crescer rápido e estou certo de que há um monte de outras pessoas que cometeram o mesmo erro. Por favor, para seu próprio bem, não cresçam rápido, porque vocês nunca poderão rebobinar e clicar o botão play novamente. E uma vez que vocês apertarem o botão play – é isso!

Mas isso é mais fácil dizer do que fazer, não? Há uma sociedade inteira, livros, televisão, filmes, todos tentando fazer vocês crescerem. E vocês mesmos como seres humanos. A natureza humana está competindo: quem vai crescer mais rápido? Tenho certeza que vocês mesmos se dizem, por vezes, “Cresça! Vamos lá!” Não é a coisa certa a fazer.

Sobre a disciplina e depressão

Eu odeio usar a palavra disciplina. O problema é que esta é a única coisa que você não quer ouvir: disciplina. Mas mesmo para fazer um cappuccino você precisa de disciplina. Você precisa de disciplina é claro. Andar de skate, todas essas coisas precisam de disciplina. Na nossa sociedade moderna, um dos maiores problemas é a depressão, realmente se sentir para baixo e deprimido e as pessoas se voltam para drogas e álcool e tudo isso. Se você realmente olhar para a raiz da depressão é por causa da falta de disciplina. A disciplina é tão importante. Quando eu digo disciplina, eu estou falando sobre algo tão simples. Eu não estou falando sobre levantar-se de manhã às 5 horas, coisas como essa.

Você faz sua própria disciplina, tais como, “Eu não vou ir para a Starbucks às quartas-feiras.” Realmente, se você tomou esse tipo de voto, algo tão simples como isso, no futuro, a proporção de visitas ao seu psiquiatra será definitivamente menor, mesmo tão simples como não ir ao Starbucks nas quartas-feiras. Estou falando sério. Se você pode administrar isso por um ano – bom! Muito bom. Você aprendeu a arte de controlar a si mesmo. Se você quer ser corajoso (talvez você ache que não ir ao Starbucks às quartas-feiras seria simples demais para você), então faça um voto: “Nos próximos seis meses eu não vou gritar com quem quer que seja, Isso é uma tarefa difícil, hein? Isso é difícil. Mas isso lhe dará incrível poder. Porque todos querem ser indestrutíveis, não é? Bem, se você quer ser indestrutível porque voluntariar-se para tornar-se um alvo fácil? Assim, você pode se tornar muito corajoso e tomar esse tipo de voto também.

Em caso de fracasso

Pergunta: Se fôssemos fazer um voto por seis meses para nunca mais gritar com alguém, como é que você lidaria com uma possível fracasso?

Dzongsar Rinpoche: Ah, o fracasso é bom. O fracasso é bom. Você tem que fracassar muitas vezes. Fazer um voto novamente. Fazer um voto novamente. Para moldar o caráter humano um monte de coisas tem que dar errado, você sabe. Você não deve ter medo de fracassar.

Acesse nossas páginas no facebook: budismo engajado e budismo petropolis.
E no Instagram: budismo petropolis

Texto traduzido do site Chronicles of Chogyam Trungpa Rinpoche(click here and read the original pos in english). O áudio completo em inglês aqui. Tradução Equipe Budismo Petrópolis.